Urologistas: tudo o que você precisa saber

Se engana quem pensa que o urologista atende somente homens.  Mesmo não sendo uma especialidade muito procurada pelas mulheres, o urologista atende pelo tratamento de cálculos renais, por exemplo. Mulheres que sofrem desse problema devem fazer um acompanhamento regular com um urologista, realizando exames a cada seis meses ou um ano. Além disso, ele também lida com tumores nos rins ou na bexiga, o acompanhamento de um urologista é fundamental.  Um urologista também atende mulheres que estejam com infecção urinária e incontinência urinária, doença que atinge 40% das grávidas e 35% daquelas que estão na pós-menopausa, cuidando também de prolapso genital. Além disso, qualquer problema que envolva os rins, ureteres, bexiga urinária e uretra de homens e mulheres pode ser bem tratado por urologistas.  Ele também trata  famosa cistite intersticial, que é a inflamação crônica da bexiga, geralmente muito intensa, que acomete principalmente mulheres com idade de 20 a 60 anos. Sua causa ainda é desconhecida.  Este médico vem desde a infância, avaliando os problemas de desenvolvimento peniano, alterações de testículos, fimose e acompanhando os meninos até a sua adolescência. Nesta fase vem o acompanhamento da puberdade, orientando-os nos aspectos da sua sexualidade e desenvolvimento.  Já a partir dos 40 anos, o Urologista pode iniciar um acompanhamento anual da próstata em virtude dos elevados índices de câncer nesta glândula (cerca de 10% da população). Os índices de cura desta doença são elevados quando o diagnóstico é feito precocemente. A mulher pode procurar o urologista quando falamos dos órgãos do trato urinário — o que inclui rins, bexiga, ureteres, uretra, próstata e genitália masculina.    Surgindo essa necessidade, não deixe de procurar o urologista sempre que necessário. 

Urologistas: tudo o que você precisa saber
Avalie este post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *