Como a ansiedade pode afetar sua vida sexual

Sem dúvidas, estar ansioso mexe muito com o nosso corpo. Você não come muito ou come demais, pode ter dores físicas, não há controle sobre o que está pensando, e por aí vai. Acontece que após ser diagnosticado com crises de ansiedade, o homem pode ter sua vida sexual afetada. Por conta disso é preciso recorrer rapidamente ao seu médico para que seja indicado o melhor tipo de tratamento para o  caso. 

Falando um pouco sobre como isso  afeta diretamente a sua vida sexual, devemos lembrar que o  corpo do pênis possui três canais de tecido erétil, dos quais dois são os corpos cavernosos. Quando o homem é estimulado, esses estímulos chegam ao cérebro que ativa os nervos e os vasos sanguíneos do pênis. Desta forma, as artérias são dilatadas e uma maior quantidade de sangue chega a elas graças à liberação de uma substância chamada óxido nítrico. Com esse aumento do volume sanguíneo o pênis consegue ficar ereto.

Quando o homem está ansioso ou estressado, há uma grande produção de adrenalina o que, consequentemente, não deixa o óxido nítrico agir. Assim, as artérias que não dilatam direito e o risco de falhar é maior.  O homem fica muito apreensivo caso não consegue ter uma ereção e isso pode aumentar ainda mais a adrenalina em suas próximas relações sexuais. Isso vira um ciclo e, quando o homem não consegue voltar a ter calma, pode precisar de ajuda médica e psicológica.

Geralmente, a impotência se trata de uma dificuldade contínua, ou seja, que sempre se manifestou na vida sexual do homem ou algo que está acontecendo ultimamente. Em ambos os casos, a melhor solução é sempre se consultar em um profissional especializado e que lhe deixe bastante confortável. Por conta disso, é importante procurar seu médico para entender melhor a fonte do seu problema de impotência ou ejaculação precoce. 

Como a ansiedade pode afetar sua vida sexual
Avalie este post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *