Sign up with your email address to be the first to know about new products, VIP offers, blog features & more.
[mc4wp_form id="4890"]
Zapisz Zapisz

Impotência funcional: o que significa

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

impotência funcional

Um nome que é muito popular (e execrado entre os homens) é a impotência sexual. O problema se caracteriza pela impossibilidade de o indivíduo conseguir uma ereção e mantê-la pelo tempo suficiente para fazer uma penetração (ou se demorar no ato sexual).

O nome “impotência” é um nome genérico para disfunção erétil, remetendo, na verdade, a um caso bem mais sério. Nesse sentido, existem diferentes tipos de impotência.

Neste post, trataremos da impotência funcional. Leia e entenda melhor do que se trata!

A impotência funcional

A impotência funcional resulta da dificuldade de obter ou manter uma ereção devido a problemas no sistema circulatório ou no sistema nervoso.

Outro motivo para o surgimento desse tipo de impotência é a senilidade, ou seja, a entrada na terceira idade. Outras causas estão associadas ao estresse, à ansiedade, ao consumo indiscriminado de álcool e drogas, desde medicamentos ao tabagismo.

Na maioria das vezes, são os remédios para pressão arterial elevada que comprometem o processo de ereção do pênis.

Os problemas circulatórios e neurológicos

O fluxo sanguíneo é fundamental para que ocorra a ereção. O pênis só fica ereto graças à concentração de sangue nos corpos cavernosos que existem em seu interior. Esse fluxo sanguíneo para o órgão sexual masculino acontece de forma natural diante de um estímulo erótico, como a visão de uma mulher vestida de forma provocante, um pensamento obsceno, um filme pornô e assim por diante.

Contudo, se existirem empecilhos que dificultem ou impeçam a chegada do sangue aos corpos cavernosos do pênis, a ereção não acontecerá. Talvez, chegue uma quantidade insuficiente, que não promova uma ereção satisfatória.

Nesses casos, a ereção deixa de ser uma coisa espontânea e passa a depender de muito esforço do homem.

Homens que sofrem de diabetes têm uma tendência à impotência funcional. Essa doença provoca danos nos vasos sanguíneos e nos nervos, dificultando a concentração de sangue nos corpos cavernosos e também diminuindo a sensibilidade peniana.

impotência funcional

Com a circulação sanguínea e o sistema nervoso prejudicados, o homem acaba sofrendo de impotência funcional, problema que requer um tratamento adequado.

O entupimento dos vasos sanguíneos é chamado de aterosclerose (gordura acumulada nas paredes dos vasos). Com os nervos insensibilizados, o homem também não consegue ter a reação espontânea de ereção diante de um estímulo sexual.

O uso de drogas e o tabagismo

As drogas costumam provocar distúrbios nos neurotransmissores do cérebro. A nicotina e o álcool em abundancia provocam disfunções vasculares que afetam o processo de ereção. A nicotina pode danificar as paredes dos vasos sanguíneos. Ela costuma acelerar a saída do sangue dos corpos cavernosos do pênis, reduzindo o período de ereção e favorecendo a impotência.

Cigarro e drogas devem ser abolidos definitivamente de sua vida. O álcool deve ser consumido com moderação.

A senilidade

A senilidade, por si só, não chega a ser um fator que causa impotência. Acontece que o idoso vai sofrer as consequências de seus atos passados, como fumar em excesso, e também pode sofrer de problemas como diabetes e hipertensão.

Além disso, não podemos esquecer que a senilidade é o resultado do envelhecimento das células. Um homem idoso tende a ser menos ativo que um homem jovem. A produção de testosterona cai — e esse é o hormônio masculino mais importante: a sua carência pode causar queda na libido e problemas de ereção.

O tratamento

Para tratar da impotência, o médico especializado avaliará o caso do paciente e recomendará o melhor tratamento: medicação oral, desentupimento das artérias, injeções penianas, técnicas sexuais para melhorar a circulação na zona do pênis, suplementação de testosterona e assim por diante.

Ele também recomendará o abandono de certos vícios, a prática de exercícios físicos regulares e uma dieta mais saudável (sem muita gordura e açúcar).

Entende agora o que é impotência funcional? Faça um comentário sobre o post!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×