[spacer] [spacer]
Sign up with your email address to be the first to know about new products, VIP offers, blog features & more.
[spacer] [mc4wp_form id="4890"] [spacer] Zapisz Zapisz

Em quanto tempo é considerada uma ejaculação precoce?

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

ejaculação precoce

A ejaculação precoce é uma disfunção sexual comum entre os homens. Muitos costumam mesmo brincar com o fato, falando em “homens-relâmpago” e coisas semelhantes.

Mas este é um mal que precisa ser tratado caso o homem deseje desfrutar uma vida sexual mais plena. O sexo rápido demais causa frustração tanto no homem quanto na mulher (ela, muitas vezes, nem consegue alcançar o orgasmo).

É preciso, portanto, diagnosticar se o homem realmente tem ejaculação precoce ou não. Como ter essa certeza? Leia o post e tire suas dúvidas!

A ejaculação precoce e o desempenho masculino

Existe uma relação estreita entre a disfunção e o desempenho sexual do homem. Se ele, na maioria das vezes em que mantém relações sexuais, ejacula muito rapidamente, esse fato representa baixo nível de performance na cama.

O bom desempenho está associado ao tempo de duração do ato e a rigidez da ereção, entre outras coisas.

Dessa forma, é primordial que o homem se liberte da ejaculação precoce para satisfazer mais sua parceira e sentir-se feliz com seu próprio desempenho.

A importância do tempo

Pode-se afirmar que o homem sofre de ejaculação precoce quando o tempo transcorrido entre o início da penetração e o seu orgasmo é muito curto. Ou seja, ele ejacula em um período muito rápido depois de penetrar a parceira.

A média para a ejaculação masculina é de dois a quatro minutos. No entanto, a média global, considerada normal, é um pouco mais alta: é de cinco minutos.

Considerando esses números, um homem que ejacula, após a penetração vaginal, em um minuto, teve uma ejaculação precoce.

Esse tempo serve como referência para os médicos especializados em saúde sexual masculina. Assim, convencionalmente, um homem que, em mais de 50% das vezes que tem relações sexuais, ejacula após um ou dois minutos depois da penetrar sua parceira, está precisando de tratamento para a disfunção.

ejaculação precoce

Em casos mais extremos, a ejaculação precoce acontece antes mesmo da penetração, fato que requer mais cuidados ainda.

O diagnóstico da ejaculação precoce

Além do fator tempo, o médico leva em conta outros critérios para diagnosticar a ejaculação precoce. Os critérios básicos são:

  • período de penetração inferior ao tempo médio (4 a 5 minutos);
  • falta de controle sobre a ejaculação;
  • sensação de desconforto durante a relação sexual.

As etapas da vida em que a ejaculação precoce acontece

Existem duas fases para ocorrência de ejaculação precoce. Na fase primária, ou adolescência, a ejaculação precoce é consequência da inexperiência do homem acompanhada de emoções como medo e ansiedade. Nessa etapa, o tempo de penetração costuma ser inferior a um minuto. Com o tempo, o jovem adquire mais confiança em si mesmo e consegue retardar a ejaculação.

Na fase secundária, homens que, geralmente, tinham ejaculação normal começam a apresentar a ejaculação precoce. Nessa etapa, o homem, na maior parte das vezes, não chega nem a três minutos de penetração e já expulsa o sêmen.

As causas que provocam a ejaculação precoce variam:

  • medo de ser flagrado fazendo sexo e ansiedade são as causas principais na primeira fase;
  • ansiedade, estresse, esgotamento físico, depressão, doenças, consumo de drogas e álcool, tabagismo, envelhecimento, uso exagerado de medicamentos são as causas mais predominantes na segunda fase.

Porém, um jovem também pode sofrer em função de doenças ou consumo de drogas.

O tratamento

Para tratar a ejaculação precoce, o homem deve comparecer a uma clínica de andrologia (ciência que estuda e trata da saúde sexual masculina) para fazer uma consulta.

A partir das informações fornecidas pelo paciente, o médico poderá diagnosticar a disfunção. Ele também poderá realizar exames clínicos e laboratoriais. Só então prescreverá o tratamento mais apropriado, que pode consistir em medicamentos, psicoterapia, técnicas de excitação/masturbação ou terapia sexual.

Está sofrendo de ejaculação precoce? Ejacula em um ou dois minutos depois da penetração? Se sofre com esse problema, não tenha vergonha: procure o quanto antes tratamento médico! Para finalizar, deixe seu comentário e enriqueça este post!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×