Atendimento: 3003-0404

São Paulo | Santo André | Guarulhos | Campinas
Rio de Janeiro | Belo Horizonte | Salvador | Brasília | Curitiba

Remédio para ejaculação precoce

Existem remédios para ejaculação precoce? Na verdade, a pergunta correta é "Existem tratamentos para ejaculação precoce?". Isso porque o tratamento nem sempre envolve a manipulação de remédios. Tudo vai depender das causas desse problema, que podem ser fisiológicas ou psicológicas. Procurar um médico especialista no assunto é fundamental para resolver o problema sem colocar em risco sua saúde, pois ele está habilitado a fazer o diagnóstico correto.

Falar de ejaculação precoce não é assunto fácil. Para os homens, na realidade, é constrangedor, pois essa situação, além de não lhe permitir ter uma relação sexual satisfatória, ainda pode trazer desgastes ao relacionamento. O homem se sente mal duas vezes. Primeiro, por não manter a ereção durante tempo suficiente. Segundo, porque, com o problema, começam desconfianças e atritos no relacionamento com a parceira, ou seja, o homem paga duas vezes a conta de algo que ele não deve.

Muitos homens, na ânsia de resolver esse problema o mais rápido possível, procuram em sites, farmácias ou com conhecidos, remédio para ejaculação precoce. Porém, é importante alertar que a automedicação é extremamente perigosa. Muitas vezes, os remédios indicados são de procedência duvidosa e até ilegais. Mesmo aqueles vendidos regularmente em farmácias devem ser prescritos por um médico. Dependendo do diagnóstico, a ejaculação precoce poderá ser tratada de outras formas, sem incluir necessariamente a manipulação de medicamentos.

A automedicação pode trazer prejuízos sérios à saúde. Antes de prescrever qualquer remédio, o médico precisa fazer perguntas sobre doenças pré-existentes, problemas de saúde na família e então diagnosticar corretamente o problema. Se for necessário o uso de remédio, ele poderá indicar com segurança, levando em conta o seu histórico e o grau da disfunção.

O melhor remédio para ejaculação precoce é a decisão de procurar um médico. Só assim você poderá tratar o problema, sem prejudicar a sua saúde e a sua vida sexual.

Leia também:

Dúvidas sobre Ejaculação Precoce?
Pergunte ao Médico







Email Telefone